A chamada ‘Capacitação Geral’ dos técnicos sociais do Programa Central de Atendimento as Penas e Medidas Alternativas (Ceapa) começou nesta terça-feira (04) com a avaliação do ano de 2012, por parte da diretoria, supervisão e das equipes da Ceapa.

Na ocasião, as equipes foram divididas em grupos para debater e refletir sobre os trabalhos desenvolvidos, mediante a troca de experiências entre as diferentes realidades de cada Centro de Prevenção à Criminalidade (CPC) onde atua o programa. “Nossa ideia é estimular a participação de todos nos debates entre as equipes, trazendo uma conclusão comum sobre as avaliações feitas por eles”, explica o supervisor metodológico do programa, Vladmir Nani.

No período da tarde, a diretoria do programa apresentou os dados mapeados ao longo de 2012 e traçou junto à equipe técnica uma avaliação dos riscos, violências e vulnerabilidades presentes no desenvolvimento de ações de proteção e prevenção no âmbito da execução penal.

Para o diretor da Ceapa, Lucas Pereira de Miranda, a Capacitação geral é uma oportunidade de reunir a equipe para debates que contribuam para o alinhamento metodológico do trabalho. “Trabalharmos este alinhamento com as equipes é importante para um maior entendimento do programa e para a identificação das oportunidades que serão trabalhadas no enfrentamento das violências identificadas nos atendimentos realizados nos CPCs”, completa o diretor. 

Acompanhe abaixo como foi o primeiro dia de Capacitação:

 

Fotos: Frederico Caldeira/Instituto Elo

Equipes de todo o estado se reuniram para a avaliação do programa no ano de 2012

 

Técnicos sociais puderam debater em conjunto, as realidades de cada CPC

 

Apresentação e discussão dos dados mapeados em 2012 tiveram destaque na parte da tarde

 

Veja mais notícias relacionadas à atuação do Instituto com o Governo de Minas em Parcerias.