Notícias

Transparência e legitimidade de organizações da sociedade civil

Abong publica pesquisa e lança site sobre o tema

Ambos são resultado do projeto 'Transparência e legitimidade das organizações da sociedade civil – Fortalecimento da esfera pública no Brasil', desenvolvido pela Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais (Abong), ao longo de 2011.

Integrante da diretoria executiva da entidade, Vera Masagão lembra que a iniciativa se insere em um contexto de criminalização das organizações da sociedade civil (OSCs), e por isso “o tema da transparência é fundamental, para ampliar o diálogo com a sociedade e garantir maior legitimidade às nossas ações”.

Estudo

Intitulado 'Estudo analítico sobre transparência e legitimidade das organizações da sociedade civil brasileira', o relatório é dividido em seis tópicos e tem o intuito de ampliar a compreensão sobre concepções e práticas de transparência e prestação de contas entre OSCs para, a partir daí, fazer um convite ao debate mais amplo. A autoria do estudo é de Fabiano Angélico, especialista em Transparência, Accountability e Combate à Corrupção pelo Centro de Direitos Humanos da Universidade do Chile e mestrando em Administração Pública e Governo na FGV-SP.

O documento foi elaborado a partir de uma revisão bibliográfica sobre o tema e da aplicação de um questionário junto a organizações associadas à Abong. Além disso, realizou-se uma mesa redonda na sede da Abong durante a etapa final da pesquisa. Essa metodologia possibilitou a abordagem de discussões recentes sobre transparência, prestação de contas e legitimidade das OSCs.

Além de apresentar algumas referências de iniciativas para OSCs, o estudo traz uma discussão enfocada no contexto brasileiro, pela reflexão acerca das alterações no ambiente legal-institucional no que diz respeito à transparência e acesso a informações públicas, apontando-se o que deve afetar a atuação das OSCs, particularmente aquelas que recebem recursos de órgãos governamentais. Por fim, apresenta impressões, sugestões e opiniões recolhidas junto a OSCs associadas à Abong.


Acesse aqui o estudo em formato PDF.

Portal da Transparência

A criação do hotsite de transparência – http://abong.org.br/transparencia se insere em um contexto de criminalização e tentativa de deslegitimação do trabalho das organizações da sociedade civil e movimentos sociais. Espera-se que a permanente reflexão sobre o tema por meio desta página eletrônica contribua para garantir maior legitimidade do setor, interferindo positivamente em sua sustentabilidade política e financeira. Além disso, abre-se um espaço de divulgação e análise do conceito de transparência, bem como de troca de instrumentais e experiências de prestação de contas.

Em seu site
, a Abong ressalta que a realização da missão de suas associadas e de outras OSCs exige a capacidade de se comunicar e estabelecer canais de diálogo com diferentes públicos: "As pessoas precisam conhecer as causas das ONGs, suas atividades e resultados, suas fontes de recursos e canais de prestação de contas. Assim, passam a confiar mais nas organizações e na sua própria capacidade de participar e construir uma sociedade melhor, mais justa e sustentável".

Veja mais notícias de Terceiro Setor

 


Deixe um comentário